Sobre verdades relativas e absolutas

Muito se pergunta: “Existem verdades absolutas?” E esse questionamento abre a possibilidade de diversas respostas com variadas formas de interpretação da realidade. Aqui, apresentaremos essa questão partindo do ponto de vista materialista marxista. Primeiro devemos compreender o que é ‘verdade’. Verdade é simplesmente aquilo que é real, ou seja, que existe enquanto tal, tem suaContinuar lendo “Sobre verdades relativas e absolutas”

Produção Humana: por um trabalho não-alienado

Por Pedro Nogarolli [Este texto é a continuação/resolução do texto Propriedade privada e alienação] Marx, em seus manuscritos de Paris, no capítulo “produção humana” faz a seguinte hipótese: suponha que produzíssemos como seres humanos, isto é, produzíssemos de forma não-alienada. Como isso seria? Em homologia direta ao trabalho alienado, partiremos para três aspectos desse trabalhoContinuar lendo “Produção Humana: por um trabalho não-alienado”

Propriedade privada e alienação

Por Pedro Nogarolli Marx começa o capítulo “trabalho alienante e propriedade privada” (dos Manuscritos Econômicos-Filosóficos) com um fato das nossas sociedades: o trabalho humano é alienado. Mas o que isso significa? Alienação em sua origem significa – que pertence a outro, mas também significa indiferença ao mundo, á sociedade, ás pessoas. Quando escutamos “Essa pessoaContinuar lendo “Propriedade privada e alienação”

A fórmula da ideologia dominante

Por João Neto Pitta Hoje ensinaremos a receita de como transformar uma série de pessoas com pouco conhecimento sobre política em um rebanho governado pelo ódio ao comunismo. 1) Coloque correntes teóricas visivelmente distintas como sendo pertencentes a mesma tradição filosófica, depois culpe a “dialética” pelas diferenças evidentes entre elas. De preferência, sigam o métodoContinuar lendo “A fórmula da ideologia dominante”

Entenda porque Mises não deve ser levado a sério quando o assunto é marxismo

Jorge Nogueira O que Mises disse que Marx disse? E o que Marx realmente disse? São as questões aqui levantadas e verificadas. Trata-se de um trabalho árduo, pela pesquisa que demanda, e polêmico, pelas idéias que envolve. Mas importante pela influência que exercem os dois autores. Como sugere o título do artigo, inicia-se pelas afirmaçõesContinuar lendo “Entenda porque Mises não deve ser levado a sério quando o assunto é marxismo”

A crítica do ocidentalismo de Hannah Arendt e Michel Foucault na obra de Domenico Losurdo

Ontologia e Emancipação Uma síntese comentada do quarto capítulo do livro “O Marxismo Ocidental: como nasceu, como morreu, como pode renascer”, publicado no Brasil pela editora Boitempo, em 2018. Na sua última obra, publicada no Brasil poucos dias antes do seu falecimento, Domenico Losurdo apresenta um balanço histórico da capitulação ideológica de um segmento da tradiçãoContinuar lendo “A crítica do ocidentalismo de Hannah Arendt e Michel Foucault na obra de Domenico Losurdo”

Marxismo facilitado – Parte 2: Classe

Christopher Williams Texto original aqui “No processo de produção, os seres humanos trabalham não apenas sobre a natureza, mas também uns sobre os outros. Eles produzem somente trabalhando juntos de uma maneira específica e trocando reciprocamente suas atividades. Para produzir, eles entram em conexões e relações definidas um ao outro, e somente dentro dessas conexões eContinuar lendo “Marxismo facilitado – Parte 2: Classe”

Marxismo facilitado – Parte 1: Materialismo Histórico

Christopher Williams Texto original aqui “A história chama aqueles homens os maiores que se enobreceram trabalhando pelo bem comum; A experiência aclama como mais feliz o homem que tornou feliz o maior número de pessoas. ”-  Karl Marx, Reflexões de um jovem (1835) Você já pensou em por que as pessoas acreditam nas coisas que fazem? De ondeContinuar lendo “Marxismo facilitado – Parte 1: Materialismo Histórico”

Se você ama a humanidade, seja comunista

Arthur D’Elia (publicado originalmente em 05/01/2019) “Se escolhermos a posição na vida a qual podemos trabalhar pela humanidade, nenhum encardo irá nos pôr para baixo, pois esses encargos são sacrifícios pelo bem de todos, então não experimentaremos alegria mesquinha, limitada e egoísta, mas nossa felicidade irá pertencer à milhões, viveremos de ações silenciosas mas emContinuar lendo “Se você ama a humanidade, seja comunista”

Uma brevíssima introdução ao materialismo histórico

Vinícius Fontoura (publicado originalmente em 27/11/2018) Muito se fala sobre a base principal de análise e crítica marxista da sociedade, o materialismo histórico – em Marx e Engels chamado de concepção materialista da história. Mas o que é e para o que serve?A principal obra a tratar do materialismo histórico é A Ideologia Alemã, livro emContinuar lendo “Uma brevíssima introdução ao materialismo histórico”