Vinícius Fontoura (publicado originalmente em 27/11/2018)

Muito se fala sobre a base principal de análise e crítica marxista da sociedade, o materialismo histórico – em Marx e Engels chamado de concepção materialista da história. Mas o que é e para o que serve?
A principal obra a tratar do materialismo histórico é A Ideologia Alemã, livro em que se expressa pela primeira vez com consistência as bases dessa abordagem da sociedade. A respeito da nova concepção, Marx diz o seguinte:

“Esta concepção da história baseia-se, portanto, no desenvolvimento do processo real da produção, partindo logo da produção material da vida imediata, e na concepção da forma de intercâmbio intimamente ligada a este modo de produção e por ele produzida, ou seja, a sociedade civil nos seus diversos estágios, como base de toda a história, e bem assim na representação da sua ação como Estado, explicando a partir dela todos os diferentes produtos teóricos e formas da consciência – a religião, a filosofia, a moral, etc – e estudando a partir destas o seu nascimento”. (Capítulo I, parte II)

A primeira vista, a leitura desse parágrafo pode ser complicada ou confusa, portanto, é bom separarmos termos específicos que nos ajudem a compreender o que está sendo dito. Quando Marx diz que essa nova concepção (o materialismo histórico) se baseia no “desenvolvimento do processo real da produção, partindo logo da produção material da vida imediata”, precisamos pegar o ponto de partida dessa mesma concepção, ou seja, entender o que é chamado de “produção da vida material”.

Antes de explicar o que é produção da vida material, é necessário fazer uma rápida contextualização: Na história da humanidade, nós precisávamos criar (produzir) os meios que nos permitissem sobreviver. Para criá-los, precisamos interagir com a natureza, modificando-a de maneira que nos permita produzir e reproduzir esses meios, de um jeito que nos beneficiasse e ajudasse no nosso desenvolvimento em geral. Durante essa interação com a natureza, adquirimos relações não só com a natureza, mas também com outros indivíduos e objetos. A esse processo de interação entre o homem e a natureza nós damos o nome de trabalho. É ele a condição direta e fundamental do desenvolvimento da humanidade.

Agora, retornando a nossa pergunta central: O que é a produção da vida material? Marx nos responde no mesmo livro quando diz: “[…] e a produção desta vida material, o trabalho […]” (Capítulo I, parte IV), ou seja, definimos a produção da vida material como o trabalho. E como foi mostrado na contextualização, adquirem-se também relações durante o trabalho. Nisso, entendemos que vida material é a totalidade do processo do trabalho, ou seja, além da própria interação do homem com a natureza, também as outras relações que são adquiridas com isso.

Mas o que isso tudo quer dizer? Para que serve o materialismo histórico?

A partir dessas explicações, nós podemos definir assim: o materialismo histórico é uma forma de analisar a realidade partindo do trabalho e das relações que se adquirem com ele. Ou seja, nós usamos o materialismo histórico para perceber que a grande crítica que deve ser feita está bem na base; na totalidade do trabalho, isto é, em como se produz.

No modo capitalista de se produzir procura-se o lucro e os grandes meios para se produzir estão sob controle de poucas pessoas. Dessa maneira, todas as outras relações que os diversos trabalhadores irão adquirir serão influenciadas pelo modo que se está produzindo essas coisas. É por isso que defende-se uma mudança de estrutura geral da sociedade, já que mudanças na superfície jamais acabarão com o real problema: a forma de se produzir.

“A revolução não é necessária só porque de nenhum outro modo a classe dominante pode ser derrubada, mas também porque a classe que a derruba só numa revolução consegue sacudir dos ombros toda a velha porcaria e tornar-se capaz de uma nova fundação da sociedade”. (Capítulo I, parte II)

Referência:

MARX, Karl. A Ideologia Alemã. Capítulo I disponível em: https://www.marxists.org/portugues/marx/1845/ideologia-alema-oe/index.htm

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s